Notícias

Fevereiro 2019

DAR É FAZER ENCONTRO

NOVO PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SCMA


No pressuposto da corresponsabilidade inspirada nos evangelhos, reforçando a Caridade e o respetivo desígnio de capacitar, enquadrada na Doutrina Social da Igreja onde se posiciona, a Santa Casa da Misericórdia da Amadora (SCMA) lançou a 15 de fevereiro o programa de desenvolvimento do voluntariado social – ‘Dar é Fazer Encontro’.
Pretende-se com a iniciativa dar um novo impulso a esta dimensão identitária da ação social cristã e das Misericórdias em especial.
Apoiando direta e indiretamente cerca de seis mil pessoas por dia, do berço ao leito derradeiro, a nossa Santa Casa convida à participação de amigos(as), colaboradores(as) informais e entidades parceiras, para que, na medida das respetivas disponibilidades, mas sempre em espírito de compromisso, possam dar voluntariamente um pouco do seu tempo e dedicação a quem mais precisa no contexto das valências da SCMA, com a devida formação e enquadramento.
As áreas abrangidas são as respetivas unidades de saúde, valências de apoio a idosos e de infância. Quem tiver vocação ou interesse em assumir atividades em regime de voluntariado, tendo o devido enquadramento e formação, pode contactar a instituição através do site https://www.misericordia-amadora.pt/voluntariado.html ou do email voluntariado@misericordia-amadora.pt"


INICIATIVAS

CIMEIRA LOCAL na AMADORA


A um mês da nossa Cimeira Local já temos todos nossos oradores|moderadores confirmados... São olhares e experiências díspares, que ajudarão os participantes a localizarem-se no tempo e no espaço para perspectivarem as melhores políticas para a nossa cidade.
INSCREVA-SE! A ENTRADA É LIVRE!
Inscrições Online #amadoracimeiralocal #reinventarcomunidade #scma


CRECHE SÃO FRANCISCO DE ASSIS - Utentes do LSF visitam a nossa Creche


No início deste ano e depois da visita das crianças do Centro de São Francisco de Assis ao Lar da Sagrada Família, alguns dos seus utentes retribuíram essa visita e trouxeram-nos um cartaz que dizia o que os idosos do LSF sentiam quando as crianças do nosso CSFA os visitavam.


LAR SAGRADA FAMÍLIA - Visita ao Museu do Dinheiro


Neste mês de fevereiro os utentes do Lar da Sagrada Família visitaram o Museu do Dinheiro. Foi uma experiência enriquecedora e feliz no conhecimento do mais recente espaço museulógico de Lisboa.


DIA DE SÃO VALENTIM - Celebrado na SCMA


No dia de São Valentim (Padre e Mártir), acompanhámos o pensamento do nosso Papa Francisco que nos diz 'Vivei alegres e puros na entrega do amor! Descobri a sua beleza à luz do amor de Deus manifestado em Jesus. Amai como Ele amou e ama.'

CENTRO RAINHA SANTA ISABEL
Neste dia também os utentes do Centro de Dia Rainha Santa Isabel construíram a Árvore dos Afetos com mensagens vindas do seu coração.

LAR SANTO ANTÓNIO
O amor não escolhe idades e por isso, o Lar de Santo António também celebrou esta data expressiva com pequenos miminhos aos seus utentes.


ESCOLA LUÍS MADUREIRA - 1º LUGAR NOS RANKINGS NO CONCELHO DA AMADORA


Foram publicados no passado dia 16 de fevereiro, os resultados do Ranking das Escolas 2018, no qual, uma vez mais, orgulhosamente, a Escola Luís Madureira ocupa o 1º lugar no concelho da Amadora.
Sendo que na disciplina de Português a média obtida foi de 3,87 e na disciplina de Matemática foi de 3,26.
Estes resultados só são possíveis com o empenho, dedicação e compromisso de todos: alunos, pais, docentes e restante comunidade educativa, que, direta ou indiretamente, contribuem para a formação dos nossos alunos.


ESCOLA LUÍS MADUREIRA - AS ORQUESTRAS TAMBÉM DANÇAM?


A ligação à música deve começar bastante cedo. Os alunos das turmas do 4ºano A e B participaram no dia 20 de fevereiro (quarta-feira), num concerto comentado em ambiente descontraído e pensado para ser fruído em contexto com os colegas de escola.
Foi claramente um convite à descoberta de obras, de compositores e de intérpretes.
Na sessão em que participaram os alunos do 1ºCiclo da Escola Luís Madureira, as interpretações foram acompanhadas por explicações que ajudaram a contextualizar, a descodificar e a criar uma relação com os sons.
A simpatia da comentadora Raquel Reis e do maestro José Eduardo Gomes captou a atenção e interesse de uma plateia bastante heterogénea em idades (do 1º Ciclo ao Secundário).